Skip links

Boca Rosa e metaverso: A nova linha de Bianca Andrade

Boca Rosa lançou, nos últimos anos, uma série de linhas de produtos, tanto de maquiagem, quanto capilar. Dessa vez, ela conseguiu se posicionar frente à concorrência com uma inovação no mercado: o metaverso. 

O que é o metaverso?

         O termo metaverso ganhou popularidade na pandemia e se tornou polêmico após o pronunciamento do Facebook no ano de 2021, onde foi estipulada a meta de se tornar uma “empresa de metaverso“ em até 5 anos. Mas afinal, o que é esse “novo” conceito?

         Em essência, já se vive os sinais dessa tendência há bastante tempo, principalmente através dos videogames, que promovem o aumento dessa realidade virtual. A terminologia também antiga surgiu por volta dos anos 80, com a literatura cyberpunk, no livro “Snow Crash”, segundo o jornal CNN Brasil 2021. O forte impulso que esse conceito teve para sair dessa perspectiva de apenas games foi o período de distanciamento proporcionado pela COVID- 19. Com isso, a necessidade de criar maior proximidade e interação ganharam uma força exponencial, onde a ideia de simular ambientes de trabalho e eventos começa a parecer interessante para os negócios e para o próprio consumidor.

Representação do metaverso
Fonte: Money Times

         No Brasil, muito se falava desse assunto com fortes menções ao movimento que outros países estavam fazendo, enquanto por aqui a ideia do que era e o que significava era fortemente trabalhada. Como alguém precisa ser o primeiro, surge Bianca Andrade, também conhecida como a Boca Rosa, influenciadora que nasceu e cresceu no Youtube, com uma trajetória de 11 anos na internet. A empresária que sempre teve paixão pela maquiagem e produtos de cabelo tem hoje duas marcas sucesso de vendas: Boca Rosa Beauty – de maquiagem – e Boca Rosa Hair – de produtos capilares. 

Término recente não abala profissionalismo de Bianca Andrade, Boca Rosa -  Jornal de Brasília
Fonte: Jornal de Brasília

Boca Rosa no metaverso

Em julho de 2022, já com suas marcas estabelecidas no mercado e seu nome sendo consolidado como empreendedora, ela lançou mais uma de suas inovações no mercado: a Pink. Pink é um avatar da Web 3.0, capaz de ter sua própria personalidade e utilizar os produtos das diferentes empresas de Boca Rosa. 

Assim como a Magalu desenvolveu a Lu para representar a organização, a Pink representa a personalização de seu branding e uma introdução ao universo de inteligência artificial, fazendo com que a presença de Bianca esteja tanto no presencial quanto no digital de forma bem imersiva, traçando ainda mais conexão com o seu público, que, relembrando, é todo da internet. 

 
Pink ao lado de Boca Rosa
Fonte: Instagram @iampink

Boca Rosa foi além! 

A Pink foi apenas o início estratégico para refinar sua entrada no metaverso. No dia 19/09/2022, a Bianca realizou o lançamento da Pink Town, uma cidade completamente digital e personalizada na identidade da marca, onde seus consumidores podem criar seus avatares, interagir entre si e realizar a compra de sua nova coleção, que segue o conceito disruptivo e inovador. Com esse movimento, ela instiga e provoca o público com uma experiência completamente nova, gamificando e estimulando ainda mais a compra. 

 
Fotos da Pink Town
Fonte: Instagram @bianca

Pink Town explora o feminino e reforça o posicionamento da empreendedora com sua estética através da simbologia da sede no formato de útero. O ambiente criado pela business women estimula a decisão de compra de forma dinâmica, personalizada e interativa, desenhando e estimulando de forma sutil e inteligente o desejo.

Com isso, Boca Rosa une diferentes pilares de marketing e cria uma experiência inovadora no mercado de beleza, posicionando-se, mais uma vez, como uma empreendedora criativa e fora da curva. 

Não só um novo mundo, mas uma nova linha de produtos

Para fortalecer esse universo e salientar seu perfil estratégico, Bianca Andrade não só cria um mundo, mas cria toda uma linha de maquiagem tecnológica e multifuncional para se conectar com o conceito metaverso. Indo ainda mais fundo e explorando a mente do consumidor, o acesso a esses produtos só aconteceria para quem estivesse no universo de Web 3.0 com o seu avatar, pois os produtos só chegavam às lojas tradicionais 16 horas depois. Logo, ela leva todo o seu público a entrar no mundo virtual e realizar cadastros, gerando, ainda, uma série de leads qualificados para o seu sistema. 


Foto da campanha
Fonte: Instagram @bocarosabeauty

Fica até difícil acompanhar e descrever a quantidade de estratégias utilizadas por ela apenas nesse lançamento, né? 

Buzz Marketing e metaverso: duas estratégias de Boca Rosa que caminham juntas

Vale ressaltar que a empresária gosta de construir cada campanha minuciosamente, dando atenção para cada detalhe e explorando seu artifício favorito, o Buzz Marketing. Sim, mais uma vez, a Bianca Andrade surpreende o mercado de cosméticos, reafirma a sua imagem de diretora criativa feroz e nos ensina um pouco mais sobre a combinação letal entre influência e estratégia, causando o famoso “burburinho” por toda a internet.

Curtiu? Já imaginou a sua empresa no metaverso? Venha saber mais sobre as estratégias de marketing para aplicar no seu negócio conosco! Somos a ESPM Jr., a mais conceituada empresa júnior com foco em marketing do Rio de Janeiro.