Skip links

Pesquisa de mercado: o que é e como aplicar na sua empresa

Saiba como diminuir os riscos das decisões tomadas em sua empresa e identificar oportunidades em seu mercado.

Como são tomadas as decisões importantes dentro da sua empresa? É muito comum que no dia a dia de uma organização surjam problemas, como: não saber por que as vendas andaram caindo; precisar de embasamento para lançar seu produto no mercado; com quem deve se comunicar em um plano de marketing; não saber quem é seu público-alvo para fazer um planejamento de marketing; entre outros.

No mundo empreendedor, qualquer tomada de decisão envolve de alguma forma um grau de incerteza. Por isso, entender o comportamento do mercado é essencial para embasar uma tomada de decisão e diminuir os riscos em um negócio.

A pesquisa de mercado é um dos passos mais importantes do processo para criar e manter um negócio de sucesso. É por meio dela que a empresa consegue entender esse comportamento e conhecer de fato as pessoas que estão sendo impactadas com seu produto ou serviço

Unilever é apenas uma das grandes empresas multinacionais que utilizam essa ferramenta para embasar suas publicidades e o posicionamento de sua marca, assim como, identificar oportunidades e estratégias de negócio.

Para entender mais sobre o que é essa pesquisa e como realizá-la em seu negócio, leia esse artigo até o final e aprenda como aplicar de forma correta. Confira!

Fonte: Unsplash

O que é pesquisa de mercado?

Essa pesquisa consiste em uma coleta de informações junto ao público, com o intuito de ter uma base de dados sólida para a tomada de uma determinada decisão

O objetivo dessa pesquisa pode ser bastante variável, alguns exemplos para você se inspirar são:

– Mensurar a satisfação do público com serviços já oferecidos; 

– Avaliar a receptividade a um novo produto; 

– Identificar os canais de comunicação que o seu público-alvo mais utiliza; 

– Levantar alguns traços do comportamento de consumo;

Definição do objetivo

O primeiro passo para realizar a sua pesquisa de mercado é saber exatamente qual é a questão que você quer esclarecer. Por isso, o objetivo deve ser muito bem delimitado, porque é isso que vai fazer com que as perguntas sejam elaboradas com eficiência. Caso contrário, ao analisar os questionários respondidos, o gestor terá um aglomerado de respostas que não fazem sentido e nem colaboram de forma alguma.

Quem vai ser consultado?

A pesquisa é destinada a clientes já existentes, clientes em potencial, fornecedores e concorrentes. O público-alvo deste levantamento nem sempre coincide com o público consumidor, por isso, outra etapa importante é o recorte de público no qual será selecionado o segmento do público que será entrevistado. 

Por falar em recorte, aqui também entra a definição da amostragem, ou seja, quantas pessoas precisam responder a essa pesquisa para que ela tenha fundamento e validade, considerando um mínimo necessário de respondentes para a partir disso gerar insights.

Elaboração do questionário

Uma fase muito importante da implementação de uma pesquisa é a elaboração do questionário. Ele não pode ser muito extenso, por isso, tente colocar aquilo que você precisa saber em poucas perguntas. As questões em si também não podem ser muito longas, porque isso cansa e distrai o respondente. 

Perguntas quantitativas, ou seja, aquelas que possuem alternativas prontas para o respondente e que são mensuráveis, podem ser transformadas em gráficos e tabelas com maior facilidade. 

Por outro lado, as perguntas qualitativas deixam a pessoa livre para responder, por isso, podem trazer respostas mais completas e sinceras. Escolha qual o melhor método de acordo com os objetivos e o que efetivamente se busca descobrir.

Onde aplicar o questionário?

Para realizar a pesquisa quantitativa, você pode aplicar esse questionário nas ruas, por telefone, por link colocado em alguma postagem no bloglink enviado por e-mailredes sociaispainel de respondentes e outros. Sendo viável escolher mais de uma forma, simultaneamente e sempre que possível, faça pelo menos parte da pesquisa nas ruas, pessoalmente.

Já a pesquisa qualitativa, depende de um pouco mais de cuidado, podendo ser aplicada por telefone mas preferencialmente presencial. Pois nessa metodologia a ideia é levar o questionário como uma conversa, sendo extremamente importante observar o que a pessoa expressa durante a entrevista, mas não diz explicitamente. Essas reações podem fazer diferença na forma como ela enxerga a marca.

Análise dos resultados

Essa é a última etapa, na qual as respostas são transformadas em dados passíveis de análise para que a empresa tome a decisão que mais estará de acordo com essa pesquisa. Transforme as respostas em gráficos e tabelas para, assim, conseguir ter uma visão global do que foi dito pelos respondentes.

Leave a comment

Fale com a gente!

Preencha o Formulário e nossa equipe comercial entra em contato com você! A Espm Jr ajuda o seu negócio a ficar conectado e sempre faturando mais.

Somos a mais conceituada empresa júnior com foco em marketing do Rio de Janeiro.