Skip links

Vestido de Spray: Paris Fashion Week e impactos no marketing

Vestido de Spray foi o destaque da Coperni no desfile de primavera-verão do Paris Fashion Week de 2023. Dentre suas inúmeras peças, a marca encerrou o evento com um look inédito no qual chocou o mundo. 

A Coperni confeccionou o vestido em apenas 10 minutos na frente de toda a plateia. Tal fato conseguiu deixar todos sem palavras e acabou viralizando nas redes sociais, devido a inovação que a marca trouxe para a moda.

Pessoas com instrumentos musicais e microfone em palco

Descrição gerada automaticamente com confiança baixa
Confecção do vestido em Bella Hadid
Fonte: Instagram da Bella Hadid

Coperni no Paris Fashion Week, 2023:

A Coperni é uma das marcas francesas mais desejadas atualmente na indústria da moda e foi uma das marcas selecionadas para o Paris Fashion Week, em 2023. A marca de grife buscou trazer um caráter teatral para o desfile, sendo fiel a identidade da mesma. 

A coleção primavera/verão da Coperni foi inspirada no estilo punk no qual ganhou características renascentistas. Os modelos usavam vestidos longos e volumosos de cetim com babados de tule em camadas, espartilhos refinados, sapatos plataforma oversized, uso de máscaras metálicas, entre outros. Finalizando seu show com um ar futurístico com participação da modelo, Bella Hadid, entra seminua na passarela e tendo seu vestido moldado em minutos.

A técnica do vestido de spray

Bella Hadid na Paris Fashion Week: qual é o material do vestido criado com  spray?
Bella Hadid para Coperni
Fonte: Marcia Travessoni

A Técnica foi desenvolvida pela Spray-on Fabrican, empresa fundada pelo estilista e cientista espanhol, Manel Torres, que está em desenvolvimento desde o início dos anos 2000. Foi utilizado um spray borrifador para confeccionar o vestido do zero, em menos de 10 minutos, para a Bella Hadid desfilar na passarela da Coperni.

O spray é composto por um líquido que contém fibras de algodão ou sintéticas, suspensas em uma solução polimérica, que depois de misturadas com solventes líquidos, evaporam imediatamente quando o aerossol entra contato com a pele ou com outras superfícies. O vestido apresentava um aspecto suave, lembrando gotas de água, não tinha costuras, nem bainhas. A textura do tecido também pode ser manipulada de acordo com o tipo de fibra e ligante utilizado.

“Você pode usar este vestido, guardá-lo e colocá-lo em um cabide. Mas se você não quiser mais, você pode colocar o vestido de volta no líquido e pode borrifá-lo imediatamente novamente”, disse o diretor criativo da Coperni e cofundador, Sébastien Meyer.

A marca de luxo confiou o palco à modelo para participar de um momento de destaque de muita importância. Coperni buscou aplicar o marketing de influência, utilizando a figura da modelo para divulgação da sua coleção, visto que ela é uma referência para moda e consegue influenciar diretamente o público desejado. 

Vestido pintado por robôs em 1999

O momento, que já é considerado por alguns como um marco na história da “moda”, pode ter tido inspiração no desfile da coleção primavera/verão de 1999 da marca britânica, Alexander Mcqueen.

Vestido Alexander McQueen
Fonte: Getty Images

Em 1999, as modelos desfilaram em uma plataforma de madeira com dois robôs parados ao centro. Ao longo do desfile, Shalom Harlow, usando um vestido branco se posicionou no centro da plataforma em que começou a girar, como uma bailarina na caixa de música. As máquinas picharam o vestido com jatos de tinta amarela e preta ao som de “Piano Concerto n 23 Adagio” de Mozart.

Quais seus impactos para o mundo do marketing? 

Coperni trouxe um projeto futurístico e imersivo. Reafirmando, assim, o espírito inovador e artístico da marca ao confeccionar um vestido em spray desenvolvido por Manel Torres. A grife francesa conseguiu ultrapassar os limites da tecnologia, o que ficou marcado para o mundo da moda. A tecnologia foi elaborada inicialmente para a indústria da moda, mas pode ser aplicada em outros setores como o da saúde (máscaras faciais).

A marca trabalhou diretamente com o Inbound marketing ao revolucionar a história da moda, uma vez que a grife priorizou o encantamento dos clientes e não a venda do seu produto. Além disso, o marketing viral também estava presente no desfile, visto que ao trazer algo que impactou o público-alvo, viralizou rapidamente nas redes sociais.

No instagram da Bella Hadid, suas publicações sobre sua performance na Coperni, tiveram em torno de 20.000 comentários, assim como, no perfil oficial da Coperni apresentou aproximadamente 6.000 comentários. (procurar mais dados)

Já fez uso dessas estratégias para seu negócio? Vem saber mais sobre como aplicá-las e alavancar sua empresa, entre em contato conosco! A ESPM Jr. é a mais conceituada empresa júnior de marketing do Rio de Janeiro.